Apresentação e Depoimento 1 - O Filho

Este blog, agora posto a público, é uma oportunidade de fazer notação do que relevante se faz na vida, a dois, destes, meus pais, que tanto, imerecidamente, se fizeram, e por conseguinte, se fazem, notórios a mim, a minha vida, ao meu contexto existencial. Providências, que são, sem dúvida alguma, do amor e misericórdias que, em Sua graça, o Senhor providenciou para o que chamo viver, contemplar a vida, fazer parte do mundo que se realiza.

Meu pai, uma persona de histórico entusiasmador, que dá qualquer crédulo aos que nele se consultam. Uma vida marcada pela garra, pela luta, pelo nunca se esmurecer. Alguém que se entronizou a custo nenhum aos outros, mas, com determinação, somente aos seus valores de inconformismo e vontade de vencer. Desde cedo teve alvos, e todos que sonhou, chegou a alcançar, seguindo as trilhas da honestidade, do respeito ao próximo e da confiança no "Deus ajuda quem cedo madruga". Com seu jeito brincalhão, com seu jeito anedoteiro, cruzou cada canto da sua existência com a mesma fadiga de ser vencedor bem humorado, que tem um bom caso a contar sobre tudo e todos que lhe rodeou. Suas conquistas suadas e concretas, em cada um dos passos que esteve dando para chegar onde chegou, marcou, em muito, minha determinação, minha confiança no tempo, minha falta de pressa para chegar fácil e faltosamente, onde pretendo chegar. Uma figura sem par, um cartaz vivo do amor e do jeito paternal de Deus agir com os seus. Um amigo, um protetor, um conselheiro, um "camarada". Este é meu pai, a ele, também, dedico este espaço cibernético para que, "pra sempre", sua vida, sua pessoa e seu jeito de ser, sirvam a tantos quantos possam conhecê-lo, pelo menos, por este jeito tecnológico.

Minha mãe, a doçura, a maternidade mais conviniente que um ser humano possa ter. Uma guerreira, uma domadora, uma frenética tigresa no cuidado de sua prole. Enfrentou tudo e todos, sem pestanejar, para, com o Senhor Deus, ser determinada, no seu caminhar, como funcionária, como professora, mulher, esposa, dedicada mãe, amiga como crente, como gente, e colega que chegou. Com seu toque angelical, onde chega leva alegria e convivência, eleva o ambiente e a convergência, inspira confiança e continência. Em todos os sentidos e com muita dignidade, poderia, se assim fosse plausível a Deus, ser a garota a quem o Gabriel informou com festejo, que do seu ventre nasceria o salvador. É assim esta mulher que, Deus em sua bondade para comigo, e para com todos que estão, de uma forma ou outra com ela, desfrutam de sua amizade, fraternidade, maternidade e preciosidade. A ela, sem nenhuma restrição, da mesma forma, com o mesmo carinho, dedico este espaço magnânimo e de coração.

Aqui vamos fazer um balcão, um jeito moderno de mostrar muita paixão, de reunir amigos que desfrutem da mesma canção, gente sadia que entende e declama este mesmo refrão. Vamos, aos poucos, contar quem são, o que viveram, o que oferecem, e o máximo de gente que pode dar sua contribuição, contando para todo o mundo, o que, pelo coração, sabem deste casal, meus pais, meus amigos, minha inspiração.

Teixeira de Freitas BA, 10 de Abril de 2009